Carbon Copy em 12v?


Pois é, mais um tópico para os guitarristas, nerds e músicos afins. Se você não mexe com instrumentos, pode pular esse aqui.

Acidentalmente, liguei uma fonte 12v no meu MXR Carbon Copy durante um ensaio. Sem saber da diferença de voltagem, fiquei impressionado com como o pedal estava soando mais alto e com mais repetições. Meus ajustes, que  estavam todos em 12h, foram abaixados para 9hs pra se ter o mesmo som. Outra coisa que reparei foi que a degradação do sinal, tão bacana nos analógicos e especialmente dark no CC, ficou mais gradual e menos dark, mas longe de ficar brilhante. Pra mim, foi um equilíbrio perfeito. Além disso, a modulação, que é sempre sutil demais nesse pedal (e o meu já é a versão 2.0), ficou mais aparente. No fim das contas, entrou na praia do Deluxe Memory Man (mas, claro, ainda na vibe do CC).
Depois que meu baixista apontou o erro da voltagem, imediatamente troquei pela fonte adequada, com medo de danificar o pedal. Mas, como bom nerd que sou, fui, na mesma noite, pesquisar a respeito. E qual minha surpresa ao descobrir que o pessoal técnico da MXR aprova e recomenda o uso de fontes de até 18v para se obter timbres diferentes do Carbon Copy? Enfim, fica a dica pra quem tem o pedal, até mesmo quem tem um e não curte muito, talvez mude de opinião.

P.S.: por favor, não faça isso em qualquer pedal. Me certifiquei a respeito do Carbon Copy, e só do Carbon Copy. Sei que alguns Fulltone tb aguentam até 18v, mas não saia por aí queimando pedais vintage com 18v e depois me xingando!

Anúncios

~ por Paulo Grua em 11/04/2011.

6 Respostas to “Carbon Copy em 12v?”

  1. Tenho um OCD clone. Será que vale a tentativa ou vou queimar um bom pedal? Abraço!

    • O OCD original rola tranquilo em até 18v. Já toquei num OCD da EFX em 12v também e ficou muito bom, e não detonou o bicho. Na dúvida, como é um clone, entre em contato com quem fez e tire a dúvida direto na fonte.
      Abc!

  2. já conhecia isso com computadores o famoso overclock, mas com pedais é a primeira vez rsrsrs. mas mesmo assim muito interessante

    • Sabe que eu nunca tinha relacionado isso ao overclock? Interessante hehe.
      Mas isso é prática comum com alguns pedais de overdrive, pra se ganhar mais headroom e definição. Com delay, foi puro acidente mesmo hehe.

  3. Desculpe, mas onde você coneguiu essa informação quanto ao uso de diferentes voltagens para o Carbon Copy, pois no FAQ da própria MXR consta a seguinte colocação:
    “Q: Can I power my pedal with a different voltage?
    A: All Dunlop/MXR pedals should only be powered with the recommended voltage.”
    E nas espeificações do pedal eles só mencionam os tais 9V. Gostaria muito de ter certeza dessa informação, pois estou negociando um pedal desses prá mim.
    Obrigado.

    • Opa, blz? A informação veio originalmente de um fórum gringo, segundo depoimento de um usuário que teria entrado em contato com a propria MXR. Para sanar qualquer dúvida, também fiz o mesmo, e a resposta deles: “Hey Paulo,
      Actually the Carbon Copy can handle up to 18 volts so it should be fine.
      Have fun
      Ryan Smith
      Electronics Technician
      Dunlop Manufacturing, Inc.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: