E viva a diversidade.


Calhei de assistir alguns vídeos com guitarristas tão, mas tão diversos, diametralmente opostos, até, em seus estilos e vocabulário, que me lembrei de uma das razões de amar esse intrumento: a variedade. Posso estar enganado, mas qual outro instrumento traduz tantos senitmentos e, porque não, raciocínios, distintos, contraditórios e relevantes a sua geração (e às gerações a seguir) como a guitarra?

Mantendo minha recente onda de posts curtos e breves,vou parar de filosofar por aqui. Seguem os vídeos, começando pelo cerebral, até o visceral.

Enjoy.

Anúncios

~ por Paulo Grua em 15/03/2010.

Uma resposta to “E viva a diversidade.”

  1. É isso aí!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: